Cancelamento de voos é 'bagunça' criada pela empresa, diz presidente da Ryanair

A decisão da companhia aérea irlandesa Ryanair de cancelar cerca de 50 voos por dia ao longo de seis semanas é consequência de uma "bagunça de nossa própria criação", disse o presidente da companhia, Michael O'Leary nesta segunda-feira. A empresa atua no segmento 'low cost' (baixo custo) e opera mais de 2.500 voos por dia.