China deixa de comprar lixo reciclável dos EUA e americanos ficam sem saber o que fazer com material

Há alguns meses, a usina de reciclagem da área metropolitana de Baltimore-Washington, nos Estados Unidos, tem um problema: precisa pagar para se desfazer do papel e do plástico, em vez de vendê-los, porque a China já não os compra mais, com o argumento de que estão "contaminados" demais.