Por envolverem Richa, processos da Publicano terão de ser enviados ao STJ

Os processos referentes às duas primeiras fases da Operação Publicano, em trâmite na 3.ª Vara Criminal de Londrina, vão ser remetidos ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), em Brasília. A transferência deve ocorrer devido à conexão dos processos com o inquérito 1093, que investiga o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), e já tramita no STJ desde o início de 2016.