Esmalte do dente permite determinar sexo de esqueleto humano

Um método desenvolvido por um grupo internacional de pesquisadores, entre eles a bióloga Raquel Gerlach, da Faculdade de Odontologia da Universidade de São Paulo (USP), em Ribeirão Preto, poderá auxiliar na identificação do sexo de partes de esqueletos em estudos em arqueologia, paleoantropologia e no âmbito das ciências médico-legais.