Homem detonou bomba caseira em Manchester; fãs relatam que não foram revistados antes de show de Ariana Grande

A polícia de Manchester informou, na madrugada desta terça-feira (23), que a explosão que matou 22 e feriu 59 na segunda (22), após show da cantora americana Ariana Grande em Manchester, no Reino Unido, foi provocada por um suicida. O homem detonou uma bomba caseira, diz a polícia.