Lenta recuperação da economia aumenta dificuldades para desempregado voltar ao mercado de trabalho

A combinação de uma recessão profunda e prolongada (a economia encolheu quase 8% em 2015 e 2016) com uma recuperação muito lenta (crescimento de 1% no ano passado e apenas um pouco mais esperado para este ano) cria dificuldades adicionais para o mercado de trabalho, que vão além da taxa de desemprego e do número de desempregados.