Maior número primo do mundo é descoberto por engenheiro voluntário nos EUA

O maior número primo já registrado foi descoberto no fim de dezembro por Jonathan Pace, um engenheiro eletricista de 51 anos que mora no estado do Tennessee, nos Estados Unidos, e trabalha para a empresa de entregas FedEx. Pelo feito, Pace tem direito a um prêmio de quase R$ 10 mil, mas ele já avisou que vai doar a quantia.