Estudo com 46 mil pessoas diz que mulheres têm mais empatia que homens

A empatia, traço que nos permite compreender como outras pessoas se sentem, ajuda a forjar conexões mais próximas com elas e influencia nosso comportamento em situações distintas (do ambiente de trabalho a uma festa) pode ser ao menos em parte determinada geneticamente. E seria mais comum nas mulheres do que nos homens.